Filipa Roseta pediu suspensão do mandato de deputada por 180 dias

Deputada tomou posse como vereadora na Câmara de Lisboa e considera que acumular as duas funções é compatível.

Foto
Filipa Roseta (à direita) tomou posse como vereadora em Lisboa na passada segunda-feira Nuno Ferreira Santos

A deputada do PSD Filipa Roseta pediu a suspensão do mandato na Assembleia da República por 180 dias, confirmou o PÚBLICO junto de fonte parlamentar. Filipa Roseta já tomou posse como vereadora na Câmara Municipal de Lisboa, presidida por Carlos Moedas, e considera que as duas funções são compatíveis. Mas, para já, a deputada pediu a suspensão temporária e não a renúncia do mandato parlamentar.