Governo dos Açores debaixo de fogo devido à gestão do PRR

O executivo açoriano condicionou o processo de candidaturas às agendas mobilizadoras do PRR. Debate de urgência no parlamento açoriano marcado pelas críticas de quase todos os partidos. Polémica faz tremer o executivo liderado por Bolieiro.

Foto
O líder do governo regional açoriano não esteve no debate marcado com carácter de urgência LUSA/EDUARDO COSTA

O governo dos Açores, liderado por José Manuel Bolieiro, vive, provavelmente, o momento mais complicado da legislatura. Nos últimos dias, o executivo açoriano tem sido acusado de beneficiar empresas no acesso às verbas das Agendas Mobilizadores do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). As críticas, de partidos e de empresários, abalaram as hostes dos próprios partidos que integram o elenco governativo, PSD, CDS-PP, PPM.