Acervo de Lucio Costa, “pai” de Brasília, foi doado a Portugal pela família

É um gigante da cultura brasileira, um homem que influenciou decididamente a arquitectura mundial ao desenhar uma nova capital no século XX. O espólio do “pai” de Brasília foi doado à Casa da Arquitectura, em Matosinhos, pela família de Lucio Costa.

Foto
Julieta Sobral, neta do arquitecto Lucio Costa, na Casa da Arquitectura, em Matosinhos Nelson Garrido

O acervo do arquitecto e urbanista brasileiro Lucio Costa (1902-1998), que concebeu a capital do Brasil em meados do século XX, já está em Portugal. As últimas das cerca de 11 mil peças chegaram na semana passada, mas as negociações desta doação à Casa da Arquitectura – Centro Português de Arquitectura, em Matosinhos, decorrem desde 2018, altura em que a família de Lucio Costa soube que não podia continuar a manter o espólio no lugar onde esteve guardado nas últimas duas décadas.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários