Presidente da Câmara de Setúbal defende reclassificação do Hospital de São Bernardo

Subida de nível representaria mais cerca de dez milhões só na remuneração por actos médicos, além de melhores condições para fixar clínicos e aumentar investimento.

Foto
Paulo Pimenta

O novo presidente da Câmara Municipal de Setúbal defende a reclassificação do Hospital de São Bernardo para melhorar as condições de funcionamento e ultrapassar a situação de ruptura da unidade hospitalar.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários