Francis Collins vai deixar direcção dos Institutos Nacionais de Saúde dos EUA

Cientista dirigiu a mais importante entidade financiadora de investigação em biomedicina do mundo durante 12 anos, quando os temas quentes foram o genoma humano, as células estaminais – e as vacinas contra a covid-19.

Foto
O cientista Francis Collins Carlos Barria

Francis Collins, o cientista de 71 anos que dirigiu os Institutos Nacionais de Saúde norte-americanos (NIH, na sigla em inglês), a mais importante entidade financiadora de investigação em biomedicina do mundo, sob três presidentes dos Estados Unidos, desde que foi nomeado por Barack Obama em 2009, vai deixar o cargo.