Trabalhar com vista para a montanha — a Casa do Beco quer ser um Airbnb para empresas

A Casa do Beco, na pequena aldeia de Lapa dos Dinheiros, estava vazia há vários anos até que a pandemia lhe deu nova vida — ser um escritório temporário para empresas. Além de ser espaçosa e ter boa Internet, tem vista para as montanhas de Seia, refeições à porta e uma praia fluvial perto.

Foto

Trabalhar a partir da Casa do Beco torna-se mais fácil — quase como uma pausa no ritmo frenético do dia-a-dia. A habitação de três pisos na pequena e pacata aldeia de Lapa dos Dinheiros, em plena serra da Estrela, foi transformada num perfeito escritório onde não falta nada. Há café com bolos e pão fresco (deixados à porta todas as manhãs) no primeiro piso, antes de um dia de reuniões no piso superior. Das janelas, vêem-se as montanhas verdejantes de Seia. Se houver tempo, dá-se um passeio pela aldeia até à praia fluvial (são cerca de 15 a 20 minutos a pé) antes de o trabalho começar para ver afloramentos graníticos de Souto da Lapa. Ao todo, demora-se cerca de um quarto de hora a atravessar a aldeia de uma ponta à outra.