Milhares manifestaram-se nas ruas dos EUA pelo direito ao aborto

Lei do Texas que proíbe o aborto depois das seis semanas e a crescente ameaça aos direitos reprodutivos motivaram protestos em mais de 600 cidades norte-americanas.

supremo-tribunal-eua,texas,aborto,eua,mundo,
Fotogaleria
Amanda Voisard/Washington Post
supremo-tribunal-eua,texas,aborto,eua,mundo,
Fotogaleria
Astrid Riecken/Washington Post
supremo-tribunal-eua,texas,aborto,eua,mundo,
Fotogaleria
Astrid Riecken/Washington Post

Milhares de pessoas saíram à rua em Washington e em várias cidades dos Estados Unidos para protestar contra a recente lei em vigor no Texas que proíbe a interrupção da gravidez após seis semanas, mesmo em casos de violação ou incesto, e para alertar que a maioria conservadora do Supremo Tribunal dos EUA poderá impor mais restrições nos próximos meses.