Nos três processos em que foi condenado, João Rendeiro soma 19 anos de prisão efectiva

Num processo, o mais recente, foi condenado a três anos e seis meses de prisão efectiva; noutro, a cinco anos e oito meses também de prisão efectiva e tem outro em que foi condenado a dez anos. Agora, assumiu que não conta voltar a Portugal.

Foto
enric vives-rubio

O ex-banqueiro João Rendeiro já foi condenado três vezes em tribunal e absolvido uma vez. Ao todo, se somarmos todas as sentenças, o ex-presidente do BPP foi condenado a 19 anos e dois meses de prisão efectiva. Num texto publicado nesta terça-feira, no seu blogue, assume publicamente que saiu do país. No decurso dos processos em que foi acusado, explica, efectuou “várias deslocações ao estrangeiro, tendo comunicado sempre o facto aos processos respectivos”. “De todas as vezes regressei a Portugal. Desta feita não tenciono regressar”, escreve.

Sugerir correcção
Ler 5 comentários