“Será a primeira vez que alguém vai ser chanceler com 25% dos votos ou menos”

Jana Puglierin, directora da delegação em Berlim do European Council on Foreign Relations, diz que “o statu quo que a Alemanha viveu nestes últimos dez anos foi muito agradável” e que “adoraria ver um Governo alemão mais criativo na política externa europeia”

Foto
DR

A directora do centro de Berlim do European Council on Foreign Relations, Jana Puglierin, teme que as eleições alemãs levem a um período de paralisação e depois de divisão entre os políticos e os seus partidos. Quem suceder a Merkel poderá ser o primeiro chanceler eleito com menos de 25%. Isso pode significar fraqueza, mas com Merkel toda a gente dizia que era fraca “e aqui estamos, 16 anos depois”.