Covid-19: médicos dizem que não faz sentido continuar a enviar turmas inteiras para isolamento

Especialistas em saúde pública falam numa norma relativa ao isolamento que neste momento é “conservadora” ao não ter em conta a taxa de vacinação.

Foto
Nelson Garrido

Apesar de o início de ano lectivo ter uma semana, já há escolas com turmas em isolamento por causa de casos positivos. Os médicos de saúde pública defendem a necessidade da revisão da norma referente ao isolamento de contactos de risco, para que esta tenha em consideração a realidade actual, nomeadamente a elevada taxa de vacinação. Esta quinta-feira, o Conselho de Ministro deverá anunciar novas medidas de desconfinamento.