Desenhar Portugal em Bicicleta: Os primeiros dias na Costa Atlântica

São já 76 os dias de viagem que Luís Simões (texto e ilustrações) e Anisa Subekti levam a pedalar por Portugal. São muitas horas em cima das bicicletas, muitos desenhos e, claro, muitas histórias para contar.

Foto

Enquanto viajámos pelo interior, foram raras as vezes que sentimos uma invasão de turistas. Tudo tinha um compasso lento e silencioso. A etapa costeira da viagem, entre Viana do Castelo e o Porto, deu-nos uma primeira sensação de enchente nas ruas e praias. Desportos na praia, venda de artesanato, de peixe, de gelados, pessoas a tirar fotografias sozinhas e em grupo, bicicletas, trotinetes, eu sei lá mais o quê… era uma agitada nova vida que escapa ao interior de Portugal. Todo aquele frenesim, fez-nos parecer demasiadamente lentos. Mas, para minimizar os primeiros choques do litoral, tivemos a sorte de fazer vários quilómetros na companhia de amigos. O Nuno, que já tinha feito uma aventura em bicicleta desde o Canadá à Argentina, foi quem mais nos acompanhou. Com ele chegámos ao Porto.