Josephine Baker será a primeira mulher negra a entrar no Panteão francês

A carismática artista franco-americana que galvanizou a Paris dos anos 1920 em diante dará entrada na necrópole parisiense a 30 de Novembro. Decisão foi tomada na sequência de uma petição que reuniu 38 mil assinaturas em 2019.

Foto
DR

Josephine Baker (aliás Joséphine, como vieram a chamá-la no seu país adoptivo) será a primeira mulher negra a dar entrada no Panteão francês, a 30 de Novembro deste ano. Decorrido quase meio século desde a sua morte, em 1975, a célebre artista de music-hall que galvanizou, e sexualizou, a Paris dos anos 20 em diante mobilizou cerca de 38 mil assinaturas numa petição posta a circular em 2019, e à qual Emmanuel Macron entendeu agora dar provimento.