Chega manda candidatos namorarem professores. Fenprof não dá troco

Partido sugere a candidatos que se dirijam a grupos sócio-profissionais concretos - significativos e numerosos.

Foto
André Ventura na manifestação convocada por elementos das forças de segurança a 21 de Novembro de 2019, em frente à Assembleia da República

Numa espécie de cartilha, a que chamou “Como ter sucesso nas eleições autárquicas – Sete Princípios”, o Chega faz esta recomendação aos seus candidatos: “Considere os educadores e os professores a chave do bom desempenho eleitoral (…). Aproxime-se dos educadores e dos professores do seu concelho, estratégia política e eleitoral fundamental para a inserção e afirmação do Chega no mundo autárquico e a nível nacional, no imediato e a prazo”.