Questionário de Proust. Alice Vieira: “Corto Maltese, de Hugo Pratt, que andou por esses mares é o meu herói de ficção”

A escritora diz que o momento em que se sente mais feliz “é de manhã”, quando está na sua “varanda diante do mar, tranquila e a pensar que o mundo é perfeito”

Foto
Nuno Ferreira Santos

Qual a sua ideia de felicidade perfeita?