Em O Crime do Padre Amaro, a série, um clássico regressa a casa

Com realização de Leonel Vieira, novo projecto da RTP está a ser rodado em Leiria, tal como escreveu Eça de Queirós. Deverá estrear-se em 2022.

rtp,televisao,leiria,literatura,culturaipsilon,livros,
Fotogaleria
Nesta série de época, os actores José Condessa e Bárbara Branco estão nos papéis de Amaro e Amélia Pedro Pina / RTP
rtp,televisao,leiria,literatura,culturaipsilon,livros,
Fotogaleria
Rodagem em Leiria do projecto que Leonel Vieira apresentou em 2019 à RTP. São seis episódios que deverão ter a sua estreia em 2022 Pedro Pina / RTP

Há cerca de 20 anos que o realizador Leonel Vieira queria adaptar O Crime do Padre Amaro ao ecrã. Não avançou logo, depois surgiram duas versões cinematográficas: primeiro a mexicana, em 2002, realizada por Carlos Carrera, com a história a desenrolar-se numa aldeia, depois a portuguesa, em 2005, uma adaptação livre, assinada por Carlos Coelho da Silva, que transportava a história para o subúrbio lisboeta e lhe dava umas lentes de actualidade. Leonel Vieira achou que não era o seu momento e a ideia ficou em pousio.