Catarina Nogueira e Sofia Araújo derrotadas em jogo equilibrado

As campeãs nacionais de padel foram nesta sexta-feira afastadas nos quartos-de-final do Lerma Challenger, prova do World Padel Tour.

Foto
Foto: WPT

Como se previa, foi um jogo equilibrado e decidido em detalhes, mas a consistência de Verónica Virseda e Lucía Martínez acabou por fazer a diferença. Contra as espanholas, n.º 28 e 30 do World Padel Tour (WPT), Ana Catarina Nogueira e Sofia Araújo foram batidas e afastadas das meias-finais do Ibereólica Lerma Challenger 2021 com os parciais de 6-4 e 7-5.

Depois de na véspera as duplas terem assegurado facilmente a qualificação com o mesmo resultado (6-1 e 6-2), o duelo desta sexta-feira em Lerma, município espanhol na província de Burgos, podia ter caído para qualquer lado, mas os pontos de ouro conquistados pelas espanholas no primeiro set, e os erros não forçados das portuguesas no segundo parcial, justificam o resultado final.

O início da partida não podia ter sido pior para Ana Catarina Nogueira e Sofia Araújo, que sofreram um break em branco logo no primeiro jogo. Apesar da má entrada, as portuguesas reagiram bem e tiveram várias oportunidades para quebrar o serviço às rivais, mas apenas ao oitavo jogo conseguiram reequilibrar o marcador (4-4).

Porém, logo de seguida, Virseda e Martínez voltaram a ganhar um jogo em branco, com Ana Catarina Nogueira a servir. No serviço seguinte, as portuguesas tiverem três pontos de break para empatar a partida a cinco, mas permitiram que as espanholas recuperassem e fechassem o set com 6-4, conquistando o terceiro ponto de ouro disputado no parcial.

O segundo set começou com Araújo e Nogueira a ganharem o seu jogo de serviço e, pela primeira vez, um ponto de ouro, mas com muitos erros não forçados, as padelistas nacionais permitiram que as espanholas ganhassem os dois jogos seguintes. Seguiu-se, porém, nova boa reacção das portuguesas, que fizeram um contra-break.

Com o duelo equilibrado, as campeãs nacionais tiveram com 5-4 a oportunidade de adiarem a decisão da eliminatória para um terceiro parcial, mas, em mais um ponto de ouro, desperdiçaram o set point. A oportunidade esbanjada acabou por ter impacto no resto do desafio e, mais confiantes, Virseda e Martínez ganharam os jogos seguintes, selando a qualificação com um 7-5.

Ana Catarina Nogueira e Sofia Araújo voltam a jogar no WPT já na próxima semana: quarta-feira, a partir das 18h30, defrontam nos 16-avos de final do Cervezas Victoria Málaga Open uma dupla que será apurada através da qualificação.