“A música é a respiração, a vida.” Morreu Olga Prats, pianista e professora

A pianista Olga Prats morreu esta sexta-feira, aos 82 anos, na sua residência na Parede, concelho de Cascais, vítima de doença oncológica, disse à Lusa o compositor Sérgio Azevedo, seu amigo.

Foto
Olga Prats dr

Olga Prats, que morreu esta sexta-feira, aos 82 anos, na sua residência na Parede, concelho de Cascais, vítima de doença oncológica, destacou-se na interpretação de música de câmara, tendo editado em disco dezenas de obras de música portuguesa de diferentes épocas. Foi uma das fundadoras do grupo de câmara Opus Ensemble, com Ana Bela Chaves (viola), Bruno Pizzamiglio (oboé e corne inglês) e Alejandro Erlich Oliva (contrabaixo), uma formação instrumental pouco comum que teve significativa projecção em Portugal e no mundo, juntando um trabalho de pesquisa com a divulgação da música portuguesa do século XVIII à actualidade.