Livro sobre evangélicos, Trump e masculinidade militante tornou-se um bestseller surpresa

Jesus and John Wayne já é considerado por alguns como um dos melhores livros sobre o evangelismo moderno norte-americano das últimas décadas.

Foto
Apoiantes evangélicos de Donald Trump EVA UZCATEGUI/Reuters

Quando o último livro da historiadora Kristin Du Mez Jesus and John Wayne foi editado no Verão de 2020 recebeu pouca atenção dos principais media e críticos. Mas a obra, que explora a predilecção dos evangélicos por Donald Trump e por figuras masculinas fortes já vendeu desde então 100 mil exemplares só com o boca-a-boca, os podcasts e os clubes do livro. No mês passado saiu a edição em capa mole que entrou para o quarto lugar da lista de bestsellers de não ficção do New York Times.