Valorsul assume “compromissos” para desactivar aterro do Mato da Cruz

Autarcas de Vila Franca de Xira querem calendário mais preciso do encerramento e passos mais rápidos para criar alternativas.

Foto
Adelino M Oliveira

A administração da Valorsul assumiu, em ofício remetido aos órgãos autárquicos municipais de Vila Franca de Xira, que deixará de depositar cinzas inertes provenientes da sua central incineradora no Aterro Sanitário do Mato da Cruz (ASMC) já a partir de 31 de Julho. A empresa de tratamento de resíduos sólidos compromete-se, também, a desenvolver duas fases de selagem das três células de resíduos sólidos existentes no Mato da Cruz, mas não assume datas para esses procedimentos.