Um grego fez dos Milwaukee Bucks campeões, 50 anos depois

Giannis Antetokounmpo marcou 50 pontos no Jogo 6 das finais da NBA, que acabou com uma decisiva vitória dos Milwaukee Bucks sobre os Phoenix Suns. Para o clube de Milwaukee, este título significa o fim de um jejum de meio século. Para o craque grego, representa a recompensa por não ter escolhido o caminho fácil.

Foto
Giannis Antetokounmpo Reuters/Mark J. Rebilas

O primeiro grande sinal de que o rumo da série estava a inverter-se surgiu num dos últimos lances do Jogo 4: com um salto impressionante, Giannis Antetokounmpo agigantou-se perante DeAndre Ayton, desarmando uma tentativa de afundanço que teria empatado a partida num momento absolutamente decisivo. No Jogo 5, a confirmação de que, animicamente, tudo mudara: com menos de 20 segundos para anular uma desvantagem de um ponto, Devin Booker perdeu a bola para Jrue Holiday, que deu início ao contra-ataque e obrigou Giannis a recorrer novamente à sua impulsão. Alley-oop, 3-2, vantagem dos Milwaukee Bucks sobre os Phoenix Suns nas finais da NBA.