África do Sul e de todos os riscos

Foto
Saqueadores de lojas apanhados esperam a sua sorte KIM LUDBROOK/EPA

Responsáveis da Agência de Segurança do Estado, na África do Sul, afirmam que funcionários da própria agência, simpatizantes do ex-Presidente Jacob Zuma, podem estar envolvidos nos tumultos em curso no país. Esta afirmação revela a profundidade da fratura a vários níveis do Estado sul-africano adicionada a idêntica situação no ANC, onde vários dirigentes de topo – incluindo o secretário-geral – estão suspensos enquanto decorrem averiguações ou processos sobre alegados crimes financeiros.