Sánchez promove remodelação profunda no Governo a pensar na recuperação pós-pandemia

Responsável pela Economia sobe a “número 2” do executivo espanhol e há mexidas nas pastas dos Negócios Estrangeiros, Justiça, Educação, Território e Presidência. Ministros do Podemos mantêm cargos.

Foto
Pedro Sánchez, presidente do Governo de Espanha VALDA KALNINA/EPA

Poucos dias depois de ter garantido aos jornalistas que uma remodelação no Governo de Espanha não era uma questão “prioritária”, Pedro Sánchez anunciou este sábado a maior dança de cadeiras em La Moncloa (sede do Governo espanhol) desde que assumiu a chefia do executivo. Há mudanças na hierarquia, reforço da presença feminina e caras novas à frente dos ministérios da Justiça, Educação, Presidência, Negócios Estrangeiros, Território, Cultura e Ciência. Os cinco ministros do Unidas Podemos mantêm, no entanto, os respectivos cargos.