Diminuição dos subsídios aos combustíveis pode causar “catástrofe social” no Líbano, avisa a ONU

Com cada vez mais escassez de bens essenciais, Governo demissionário considera insustentável manter a política de subsídios. Crise exacerbada pela explosão em Beirute, há quase um ano, continua a agravar-se.

Foto
As filas gigantes para abastecer tornaram-se uma imagem comum no Líbano AZIZ TAHER/Reuters

Economistas e organizações internacionais têm questionado a eficácia do programa de combustíveis subsidiados no Líbano, mas o seu fim é visto com muita preocupação, num momento em que o país enfrenta escassez de petróleo e os libaneses mal conseguem manter as luzes acesas.

Sugerir correcção
Comentar