Anúncios ou falhanços?

Os números não estão a correr muito bem. E é exactamente nestes momentos que é preciso comunicar com certeza e mostrar que existe capacidade para concretizar o que se anuncia

Alguns anúncios dos últimos dias sobre a pandemia são sugestivos e alguns até evidenciam avanços que os cidadãos podem identificar como positivos. Mas um anúncio é, por definição, a antevisão de algo que irá acontecer. Ora, se não acontece, passa a ser uma de duas coisas: uma mentira ou um falhanço.