O fungagá da pequenada

Karen Blixen teve uma farm em África, eu tive um blogue no Blogger. Se falo do assunto é porque a partir de hoje estas crónicas herdam-lhe o nome, Meditação na Pastelaria, título de poema roubado a Alexandre O’Neill, autor também deste impagável soneto: