Fundo de recuperação ganha forma com emissão de 10 mil milhões

A UE avançou esta segunda-feira para a primeira de várias emissões de dívida destinadas a ir buscar aos mercados o dinheiro que irá ser entregue aos Estados membros e aos seus planso de recuperação. O dinheiro começa a chegar aos países a partir de Agosto.

Foto
LUSA/TONY DA SILVA

Com uma emissão de dívida pela qual deverá pagar uma taxa de juro apenas ligeiramente acima de zero, a União Europeia (UE) deu esta segunda-feira o primeiro passo para ir buscar aos mercados os 800 mil milhões de euros que irá entregar, a partir de Agosto, aos países para financiarem os seus planos de recuperação e resiliência até 2026.