G7: sorrisos (e avisos) de Biden antes do arranque de uma cimeira útil para Johnson

Presidente dos EUA e primeiro-ministro britânico assinaram nova “Carta do Atlântico”, elogiaram “special relationship” e conversaram sobre a Irlanda do Norte. Johnson quer aproveitar cimeira de líderes para mostrar os trunfos do novo estatuto pós-“Brexit”.

irlanda-norte,eua,mundo,diplomacia,reino-unido,europa,
Fotogaleria
Joe Biden e Boris Johnson, antes da reunião bilateral KEVIN LAMARQUE/Reuters
irlanda-norte,eua,mundo,diplomacia,reino-unido,europa,
Fotogaleria
Jill e Joe Biden com Boris e Carrie Johnson passeando na Cornualha,Jill e Joe Biden com Boris e Carrie Johnson passeando na Cornualha Hollie Adams/POOL/EPA,Hollie Adams/POOL/EPA

Na véspera do encontro com o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, noticiava o Times nesta quinta-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, mandatou os seus diplomatas no país a enviarem uma mensagem firme ao Governo britânico: é preciso evitar a todo o custo pôr em causa o processo de paz irlandês e, ao “inflamar” as tensões na Irlanda do Norte, Downing Street não está a escolher a melhor estratégia para esse desígnio.