Controlo de fronteiras terrestres: Portugal conseguiu recuo de Espanha durante a noite

O Governo espanhol recuou na decisão tomada na sexta-feira, no mesmo dia em que António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa estiveram em Madrid para a apresentação da candidatura ao Mundial de futebol de 2030.

Foto
Os quatro responsáveis políticos estiveram reunidos na última sexta-feira Daniel Rocha

Cerca de 24 horas de ter sido conhecida a obrigatoriedade imposta por Espanha para apresentação de prova de vacinação contra a covid-19 ou de teste PCR negativo nas fronteiras terrestres com Portugal (exigidas para viagens aéreas ou marítimas, mas não para viagens terrestres), esta vai ser revogada. A decisão foi anunciada ao início da manhã desta terça-feira pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, depois de o governante ter admitido “reciprocidade” em relação aos espanhóis, ou seja, ameaçado com medidas de retaliação idênticas.