Lisboa: o mundo de Louise inspira a cozinha irreverente e feminina do BouBou’s

O restaurante do Príncipe Real tem agora uma ementa irreverente pela chefLouise Bourrat, lusodescendente com formação em França. Desde o início da carreira que ouviu que a cozinha profissional não é para mulheres. Um preconceito que quer derrubar com o seu trabalho.

restaurantes,alimentacao,gastronomia,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
O pátio interior nas traseiras do retaurante DR
restaurantes,alimentacao,gastronomia,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
A sala do BouBou's com vista para a cozinha aberta DR
restaurantes,alimentacao,gastronomia,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Alexis, Louise e Agnes Bourrat DR
restaurantes,alimentacao,gastronomia,fugas,lisboa,turismo,
Fotogaleria
À entrada do restaurante há um bar de cocktails e bebidas espirituosas DR

O telefone toca e, na azáfama da noite, é Louise Bourrat quem abandona o seu posto atrás do balcão, limpa as mãos e atende, agendando a marcação que ouve do outro lado da linha. A reabertura dos restaurantes, após o último confinamento, foi há pouco e sente-se nas ruas do Príncipe Real, em Lisboa, e nas pessoas que entram no BouBou's a animação de quem procura regressar ao prazer de comer fora, e não apenas a experiência de encomendar um take-away. Na cozinha, integrada na sala, reina o silêncio só quebrado por uma ou outra ordem dada por Louise e recebida com um “sim, chef”, de uma das duas cozinheiras que a acompanham. Os elementos masculinos são o copeiro, o sommelier e Alexis Bourrat, o proprietário que faz piscinas entre a sala e o pátio onde a maioria dos clientes prefere sentar-se.