Consumo em Portugal já supera níveis da pré-pandemia

As compras em lojas físicas e online, na rede Multibanco, cresceram 37% face ao período homólogo de 2020 e 13% face ao de 2019.

Foto
Reuters/ALBERT GEA

Mesmo com limitações em vários sectores da actividade económica e apesar da situação de teletrabalho de uma parte significativa de trabalhadores, os níveis de consumo dos portugueses atingiram os níveis pré-pandemia no período entre 16 e 30 de Maio. O maior contributo veio do turismo.

De acordo com dados divulgados esta quarta-feira pela SIBS, gestora da rede de pagamentos Multibanco, as compras físicas registaram um crescimento de 34% face ao período homólogo de 2020, enquanto as realizadas pelo canal online aumentaram 58%.

Mas ainda mais relevante que a comparação homóloga, os dados mostram um crescimento de 13% face ao mesmo período de 2019, ou seja, antes do surgimento da pandemia. Face a esse ano, as compras físicas ficaram 6% acima, enquanto as online mais que duplicaram (+106%), “demonstrando uma vez mais a resiliência do comércio digital, mesmo em cenário de desconfinamento”, refere a SIBS.

Em comunicado, a entidade refere que, na quinzena em análise, “as compras com cartões estrangeiros registaram um crescimento acelerado, subindo 38% face à primeira quinzena de Maio, praticamente duplicando o registado no mês de Abril e mais de três vezes o valor de 2020 (241%), pese embora ainda não tenha atingido os valores de 2019 (-39%)”.

Por sectores, a actividade que mais cresceu foi o alojamento turístico, registando um incremento de 28% face à quinzena anterior de Maio e de 95% (quase duplicando) face ao mês anterior, seguido da restauração, com um incremento de 4% face à primeira quinzena e de 37% face ao mesmo período do mês anterior, o que, para as SIBS, reforça “a ideia de uma rápida recuperação no sector do turismo”.

Liga de campeões aumenta consumo

Os dados por regiões mostram a relevância dos turistas para o crescimento do consumo, com destaque para o Algarve (+9% face à primeira metade de Maio primeira metade de Maio e +23% face a igual período do mês anterior), e para Madeira (+3% e +14% respectivamente). Contudo, “todas as regiões de Portugal (Continental e Regiões Autónomas) se encontram acima dos valores homólogos de 2020 e também de 2019, portanto pré-pandemia, sendo a única exceção a região de Lisboa e Vale do Tejo, com -3% versos período homólogo de 2019”, avança a SIBS.  

A gestora da rede de pagamentos Multibanco também divulga dados relativos ao último fim-de-semana (29 e 30 de Maio), altura em que se realizou a Final da Liga dos Campeões da UEFA no Porto (29 e 30 de Maio), que mostram crescimentos significativos em comparação com o fim-de-semana anterior (22 e 23 de Maio): o consumo com cartões estrangeiros em Portugal registou um crescimento de 22%; o alojamento turístico aumentou 21%, e a restauração e as gasolineiras cresceram ambos 10%.