No Ohio, uma jovem ganhou um milhão de dólares por tomar a vacina contra a covid-19

Prémios de um milhão de dólares e bolsas de estudo estão a ser oferecidos no Ohio a quem tomar a vacina contra a covid-19. O objectivo é aumentar a taxa de vacinação.

Foto
Reuters/HANNAH BEIER

No Ohio, há uma espécie de lotaria da vacina. De forma a incentivar a adesão à vacina contra a covid-19, este estado norte-americano está a fazer sorteios de um milhão de dólares para pessoas que tenham tomado pelo menos a primeira dose da vacina. Já concorreram mais de dois milhões de pessoas ao sorteio “Vax-a-Million”, segundo o The New York Times.

A primeira vencedora foi Abbigail Bugenske, de 22 anos. A jovem estava a caminho de casa dos pais, perto de Cleveland, quando recebeu uma chamada do governador, Mike DeWine, esta quinta-feira, 27 de Maio. “No início, pensei que seria uma partida”, disse Bugenske ao The New York Times. Mas, depois, recebeu várias mensagens a confirmar. 

“Gritei tanto que os meus pais pensaram que eu estava a chorar e que havia algo de errado”, recorda. “Gritei que tinha ganho um milhão de dólares e que ia ser milionária.” Bugenske confessa que não vai deixar o emprego de engenheira e, quanto ao prémio recebido, explica que vai doar algum dinheiro e investir o resto. Comprar um carro está também nos seus planos.

A lotaria também oferece bolsas completas de acesso à faculdade para jovens entre os 12 e os 17 anos. Joseph Costello foi um dos sortudos (concorreram mais de 104 mil pessoas). O jovem de 14 anos de Englewood, uma cidade perto de Dayton, também se inscreveu no programa de vacinação e tomou a vacina no último sábado. 

Collen Costello, a mãe do jovem, recorda que recebeu o telefonema do governador quando estava a sair do emprego e pensou que seria uma gravação. “Eu pensei que estava a ouvir a sua voz gravada”, disse a mãe do jovem ao governador na conferência de imprensa esta quinta-feira.

“À medida que conversámos, percebi que era mesmo o governador. Fiquei muito grata naquele momento por haver um banco por perto, porque precisava de me sentar”, disse Colleen ao perceber que era o próprio DeWine. O governador visitou a família Costello. Costello está no oitavo ano e a Ohio State University é uma das universidades que tem em mente para se candidatar no futuro. 

Várias iniciativas para aumentar a adesão à vacinação estão a acontecer noutros estados. Nesta quinta-feira, o governador da Califórnia anunciou que, a 15 de Junho, dez pessoas vacinadas serão sorteadas para receberem 1,5 milhões de dólares cada. 

Contudo, este tipo de iniciativas tem recebido algumas críticas que dizem que não é isto que vai mudar a mentalidade das pessoas que são contra as vacinas. Bugenske, por exemplo, contou ao The New York Times que mal pôde inscrever-se para receber a vacina, fê-lo, e só depois se inscreveu na lotaria. “Eu recomendo a qualquer pessoa tomar a vacina”, disse. “Se receber um milhão de dólares não é incentivo suficiente, não sei o que mais é que pode ser.”