Comemorações do 10 de Junho já não se vão estender a Bruxelas

Presidente reduz à Madeira as cerimónias do Dia de Portugal. Antes, vai à Eslovénia, que sucede a Portugal na presidência rotativa do Conselho da UE, e à Bulgária.

Foto
As comemorações do Dia de Portugal 2020 resumiram-se a uma cerimónia nos Jerónimos rui gaudencio

A Presidência da República cancelou a extensão a Bruxelas das comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades e centrou-as apenas na Madeira, com um programa de três dias no arquipélago. O cancelamento da viagem à capital da Bélgica e sede das principais instâncias europeias ainda não foi oficialmente anunciado, mas é definitivo e acontece por não estarem reunidas as condições de segurança sanitária no actual contexto de pandemia, apurou o PÚBLICO.