Pedrógão Grande: Ascendi só fazia limpeza das bermas conforme a lei quando era notificada pelas câmaras

Sete arguidos ficam em silêncio num julgamento que pode voltar à estaca zero. Autarca de Figueiró dos Vinhos quer falar.

Foto
Daniel Rocha

Um administrador executivo da Ascendi, empresa que tinha a subconcessão da Estrada Nacional 236-1, onde morreram várias das 63 vítimas mortais do grande incêndio de Pedrógão Grande, disse nesta segunda-feira, no Tribunal de Leiria, que a empresa só tratava da faixa de gestão de combustível quando notificada pelas autarquias.