Uma conversa sobre fruta parcialmente “apodrecida”

O antigo Governador do Banco de Portugal utilizou a expressão fruta parcialmente “apodrecida” para insinuar que as contas publicadas do Novo Banco não reflectiam a verdade, i.e., eram falsas?

Foto
LUSA/MANUEL DE ALMEIDA

Ao longo dos anos, alguns estados-membros da Área do Euro foram apanhados a falsificar estatísticas macroeconómicas ou a utilizar instrumentos financeiros cujo único propósito era alterar certas estatísticas macroeconómicas. O caso mais conhecido é o da Grécia, que utilizou instrumentos financeiros disponibilizados pela Goldman Sachs para apresentar estatísticas em 2000 e 2001 que lhe permitiram aderir ao euro em 2001 e que falsificou as estimativas do défice público em 2008 e em 2009.