Pagamentos em atraso do SNS subiram 50% em relação a Janeiro

Em Março, o valor das dívidas vencidas há mais de 90 dias estava em 317 milhões de euros, quando em Janeiro cifravam-se em 211 milhões de euros.

Foto
Manuel Roberto

Desde o início do ano que os pagamentos em atraso do Serviço Nacional de Saúde (SNS) aos fornecedores externos estão a aumentar. De acordo com a análise disponível no Portal do SNS, em Março o valor das dívidas vencidas há mais de 90 dias estava em 317 milhões de euros, um aumento de 50% quando comparado com o valor de Janeiro. Nessa altura, os pagamentos em atraso cifravam-se em 211 milhões de euros.