“Mister, temos um problema…” – as razões mais estranhas para ausências de jogadores

Marcelo quase falhou o jogo da segunda mão das meias-finais da Liga dos Campeões devido… a compromissos eleitorais. A situação resolveu-se e o lateral do Real Madrid evitou juntar-se a uma extensa lista de situações bizarras que deixaram futebolistas fora de jogo.

Foto
Marcelo e Zidane, defesa e treinador do Real Madrid Albert Gea/Reuters

A notícia parecia saída de um daqueles sites de “fake news” que vão florescendo pela Internet: o lateral-esquerdo Marcelo, brasileiro de nascimento mas a quem foi atribuída cidadania espanhola em 2011, teria de servir numa mesa de voto no dia 4 de Maio, data das eleições autárquicas madrilenas, pelo que não poderia comparecer no jogo da segunda mão das meias-finais da Liga dos Campeões, entre o Real Madrid e o Chelsea, em Londres. Parecia mentira, mas era mesmo verdade.

Sugerir correcção
Comentar