Teletrabalho: o que (não) fazer para ter uma boa etiqueta digital

Ver mensagens e não responder, criar grupos (desnecessários) de WhatsApp, em vez de telefonar ou fazer ghosting são comportamentos reveladores de falta de etiqueta digital, com efeitos ainda maiores num mundo actualmente dominado pelo teletrabalho. Mas como podemos identificar e modificar estas atitudes?

Foto
Teletrabalho Getty Images

Um email de trabalho enviado às 23h, aquela mensagem promocional marota nas dm do Instagram, o telefonema que não atendemos, mas que nunca retribuímos... É muito provável que nos tenha acontecido tudo isto nos longínquos tempos pré-pandémicos, em que estes comportamentos “inconvenientes” até poderiam ter sido varridos para debaixo do tapete. Contudo, o teletrabalho acentuou a nossa dependência digital e atitudes como estas, que antes eram subtilezas, são agora (maus) hábitos que tornam estes tempos, já de si cansativos, ainda mais stressantes.