Qué Locura Enamorarme Yo de Ti, um solo para desconstruir relações na abertura do FITEI

Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica arranca este sábado depois de um ano de interrupção.

fitei-festival-internacional-teatro-expressao-iberica,poliamor,cultura,performance,teatro,culturaipsilon,
Fotogaleria
"Qué Locura Enamorarme Yo de Ti", a construção da escritora Gabriela Wiener
fitei-festival-internacional-teatro-expressao-iberica,poliamor,cultura,performance,teatro,culturaipsilon,
Fotogaleria
"Qué Locura Enamorarme Yo de Ti" inaugura a 44.ª edição do FITEI

Gabriela Wiener é a autora, a personagem e a história. É dela a vida que sobe ao palco do Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo, neste sábado, em Qué Locura Enamorarme Yo de Ti, a peça que inaugura a 44.ª edição do Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica (FITEI), depois de um ano em que a pandemia obrigou a uma interrupção.