25 de Abril

Com imagens do dia histórico, Daniel voltou a pôr a Revolução dos Cravos nas ruas de Lisboa

Alfredo Cunha/ Daniel Louro
Fotogaleria
Alfredo Cunha/ Daniel Louro

Foi uma imagem onde se vê uma pessoa a segurar uma foto de Hitler a discursar numa varanda, em frente a essa mesma varanda — e onde agora se vê uma bandeira do orgulho LGBT —, que deu a Daniel Louro a ideia de cruzar fotografias com locais históricos. Já o fazia com cenários de filmes: em 2019, contou ao P3 como percorria o mundo à procura de locais onde foram gravados filmes icónicos e enquadrava uma fotografia de uma cena do filme no mesmo local. Agora, e a propósito do 25 de Abril, decidiu juntar as ideias — a das fotografias históricas e de cinema — e enquadrar imagens do dia da Revolução dos Cravos nos locais por onde esta passou. 

A ideia surgiu "há dois meses". Foi a entrevista com Maria de Medeiros, que fez para o podcast que protagoniza, VHS, e na qual falaram sobre o filme Capitães de Abrilque lhe chamou a atenção para "o cuidado que tiveram em recriar no filme imagens que são réplicas de fotografias bastante conhecidas" do dia. "Foi ali que fez sentido", refere ao P3. "O 25 de Abril estava próximo. Foi um evento popular, que aconteceu na rua, e isso é mais fácil para mim do que se tivesse acontecido dentro de portas", conta. 

Tratou de reunir fotos e fazer trabalho de pesquisa, para entender onde tinham sido captadas. Algumas foram facilmente identificáveis; outras requereram um pouco mais de esforço. "Mas isso também é grande parte do gozo", garante o videógrafo de profissão, natural de Anadia e a viver em Lisboa, que teve de prestar atenção a detalhes como as placas, os números de portas, as fachadas, para descobrir onde foram captadas algumas das imagens, que, na sua maioria, são da autoria de Alfredo Cunha.

Demorou dois dias a fotografar as 20 fotografias que fazem parte da série agora parcialmente publicada no P3 — as restantes fotografias podem ser encontradas na sua página de Instagram. O resultado é o que vemos: uma viagem ao passado que não deixa o presente de fora. 

Legendas actualizadas: foram acrescentados os autores originais das fotografias utilizadas por Daniel Louro.

Jean-Claude Francolon/ Daniel Louro
Alfredo Cunha/ Daniel Louro
Alfredo Cunha/ Daniel Louro
Autor original desconhecido/ Daniel Louro
Victor Valente/ Daniel Louro
arquivo Bettmann/ Daniel Louro
Autor original desconhecido/ Daniel Louro
Alfredo Cunha/ Daniel Louro
Alfredo Cunha/ Daniel Louro
Alfredo Cunha/ Daniel Louro
Autor original desconhecido/ Daniel Louro
Sugerir correcção