Cursos técnicos superiores cresceram 6% neste ano lectivo

Há quase 13 mil inscritos em mais de 400 “cursos curtos” que, desde a sua criação, não têm parado de crescer. Financiamento da “bazuca” vai permitir continuar a expansão nos próximos anos.

Foto
Os chamados "cursos curtos" do superior não têm parado de crescer Sergio Azenha

Quase 13 mil estudantes estão inscritos, neste ano lectivo, nos cursos técnicos superiores profissionais (Ctesp). O total de novos alunos aumentou mais de 6% em relação ao ano passado, confirmando a tendência de crescimento destas formações que dão um diploma de ensino superior desde a sua introdução há seis anos. Ainda assim, houve instituições que optaram por reduzir a oferta, num ano em que os diplomados dos cursos profissionais passaram a ter uma via de acesso específica para as licenciaturas.