José Sócrates, o mais implacável acusador de si próprio

Não nos enganemos: há por aí muitos órfãos de José Sócrates. Um dia destes ainda escrevem uma petição.

Uma turba que já vai em quase duzentas mil almas assinou uma petição para expulsar Ivo Rosa da magistratura, por causa da decisão instrutória sobre José Sócrates. Um disparate. A única petição legítima contra a decisão é o recurso do Ministério Público para a Relação de Lisboa. Ponto. Além disso, Ivo Rosa até confirmou os motivos pelos quais os peticionários detestam Sócrates. Mesmo segundo o seu famoso critério apertadíssimo, o juiz foi claro: há uma probabilidade considerável de o ex-primeiro-ministro sair do julgamento que o espera como um político que estava disponível para fazer favores ilícitos a quem lhe sustentava uma vida faustosa. É pouco? Não, não é.