A saúde como condição da confiança e a confiança como condição da saúde

O que se tem passado no que respeita às vacinas covid-19 tem fragilizado a confiança, se não no SNS pelas provas de resposta esforçada e competente que tem dado e continua a dar, nas autoridades de saúde e no poder político que com estas se articula.

Vivemos, há mais de um ano, uma grave situação de saúde pública que, pelo que se passa no mundo, no continente, no país, na comunidade a centenas de metros e mesmo para muitos(as) na própria família, é dispensável especificar.