“Incidência vizinha”: o novo indicador que pode influenciar os planos do Governo

Novo indicador foi proposto na reunião que se realizou no Infarmed e pode ajudar a evitar a sobrevalorização de surtos em concelhos com pouca população. E pode também funcionar como indicador preventivo ao sinalizar a proximidade a zonas de risco por terem mais casos de covid.

Foto
Paulo Pimenta

Não pretende ser uma alternativa ao indicador da taxa de incidência por concelho, mas antes ser complementar. A proposta da criação de um indicador da incidência vizinha foi apresentada, esta terça-feira, pelo matemático Óscar Felgueiras na reunião no Infarmed. Ao ajustar as taxas de incidência de um concelho, com um número de novos casos mais elevado, e a dos concelhos vizinhos, este indicador “tenta fazer a contextualização local em relação às zonas circundantes”, e, por outro lado funcionar “como indicador preventivo” ao sinalizar a proximidade a zonas de risco.