Candidatura de Moedas “não vai ter força” para mudar câmara, diz líder da IL

Partido liderado por João Cotrim de Figueiredo avança com 50 candidaturas autárquicas, a maioria em listas próprias.

Foto
A estratégia autárquica será um teste à liderança de João Cotrim de Figueiredo Nuno Ferreira Santos

Nas primeiras eleições locais a que concorre desde a sua fundação, a Iniciativa Liberal (IL) vai avançar com 50 candidaturas autárquicas, a esmagadora maioria em listas próprias. Em declarações ao PÚBLICO, o líder do partido, João Cotrim de Figueiredo, assume que o objectivo dos liberais em Lisboa não é só “tirar Fernando Medina” – isso “pode ser uma coisa boa” – mas também alterar a forma de fazer política. E, para “mudar o sistema por dentro”, o deputado acredita que a candidatura do PSD/CDS liderada por Moedas “não vai ter força”.