“Claro” que houve litigância de má-fé nas novas linhas do Metro do Porto

Tiago Braga, presidente da Metro do Porto, revela que as obras na linha Amarela e na linha Rosa estão para começar, mas só a extensão da primeira, em Gaia, estará pronta em 2023. Para a nova linha no Porto, 2024 passou a ser o novo horizonte.

Foto
NELSON GARRIDO

Depois de um processo concursal atribulado, e demorado, Tiago Braga, presidente da Metro do Porto, ainda acredita que uma das novas obras, a extensão da linha Amarela, vai estar pronta em 2023, mas já assume a eventual necessidade de reprogramar a execução dos fundos da linha Rosa, uma empreitada mais complexa. Complexo será também a expansão futura da rede, num contexto de forte concorrência internacional no sector construção de ferrovia, uma aposta europeia.