A “ambição política” de Moedas pode empurrá-lo para a liderança do PSD

Marques Mendes diz que o candidato à Câmara de Lisboa, quer ganhe quer perca, “é um potencial e inevitável candidato para uma futura liderança do PSD”, mas não para já.

Foto
Carlos Moedas foi escolhido pelo presidente do PSD para a Câmara de Lisboa daniel Rocha

Ao anunciar Carlos Moedas como candidato à Câmara de Lisboa, o presidente do PSD colocou o ex-comissário europeu na lista de possíveis candidatos à liderança do partido. Mas isso não parece preocupá-lo. Há dias, no final de uma reunião com o Fórum para a Competitividade, Rui Rio foi questionado sobre se não teme que Moedas possa vir a ser um futuro adversário no PSD e respondeu, entre sorrisos: “Não tenho problema nenhum com isso. (...) Espero que o futuro do engenheiro Carlos Moedas seja brilhante e comece já com a vitória em Lisboa. Até porque, sendo muito mais novo do que eu, tem um futuro muito maior à sua frente do que eu próprio.”