Excerto de Libertem-nos do Feminismo!, da filósofa Bérénice Levet

Chega nesta quinta-feira às livrarias portuguesas o livro da filósofa e ensaísta francesa Bérénice Levet, Libertem-nos do Feminismo!- As novas inquisições., numa edição da Gradiva. O excerto que aqui publicamos intitula-se Iconoclastia feminista e depuração cultural.

Foto
"Carmen", de Bizet no Teatro Nacional de São Carlos ADRIANO MIRANDA/ADRIANO MIRANDA

«Por volta de 2050, provavelmente até antes, o conhecimento da antiga língua terá desaparecido. Toda a literatura do passado terá sido destruída. Chaucer, Shakespeare, Milton, Byron já só existirão em versão novilíngua. Não serão simplesmente transformados em algo diferente: serão transformados em algo que será o contrário do que eram até então.»