Cinco séries para ver em família

A nossa selecção, que contém amor, humor e aventura, vai apelar ao sentimento de todos os membros da família sem deixar ninguém embaraçado.

tv,ipsilon,televisao,lazer,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Os Marretas
tv,ipsilon,televisao,lazer,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Conta-me Como Foi
tv,ipsilon,televisao,lazer,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
This is Us
tv,ipsilon,televisao,lazer,cinema,culturaipsilon,
Fotogaleria
Stranger Things
,Nolan Gould
Fotogaleria
Uma Família Muito Moderna

Os Marretas

Disney+
Criados por Jim Henson em 1955, os Marretas originais estiveram no ar entre 1976 e 1981. O principal motivo do seu sucesso é o sentido de humor, que tem a particularidade de deleitar miúdos e graúdos, sem necessidade de excluir nenhum deles. Ficaram célebres pelos seus sketches e momentos musicais, mas também pelas participações especiais de um vasto leque de celebridades: desde Vincent Price, Harry Belafonte, Rita Moreno, Steve Martin, Diana Ross, Julie Andrews, Charles Aznavour, Joan Baez, Bob Hope, Elton John, Gene Kelly, Sylvester Stallone, Christopher Reeve e Roger Moore, entre muitos outros. O espectáculo de variedades dos Marretas originais passará a ser o elemento principal da colecção Os Marretas da Disney+, mas também lá se encontram os diversos filmes – incluindo “As Aventuras dos Marretas, realizado por James Frawley em 1979 – , curtas-metragens e a websérie Muppets Now, estreada em 2020.

Conta-me Como Foi

RTP play
Num retrato de Portugal desde os anos 1960 até aos 1980, esta série segue o dia-a-dia dos Lopes, uma família a viver num bairro social lisboeta. O pai António, a mãe Margarida, a avó Hermínia e os irmãos Toni, Isabel e Carlos reflectem uma rotina semelhante àquela que milhões de portugueses viveram há décadas. Baseada na série espanhola Cuéntame… como pasó – que em 2001 começou por mostrar o período da ditadura franquista e já vai na 21.ª temporada –, Conta-me Como Foi foi adaptada à realidade portuguesa e revela as mudanças de hábitos e mentalidade ao longo dos anos, integrando factos históricos, sociais e políticos de Portugal e do mundo. Rita Blanco, Miguel Guilherme, Catarina Avelar, Rita Brütt, Fernando Pires, Luís Ganito e Beatriz Frazão dão vida aos elementos do clã. Estreada em 2007, a série vai já na sétima temporada (com vários anos de interregno entre cada uma) e, desde então, foi reunindo várias gerações à volta do televisor.

This is Us

Fox Life e Amazon Prime
Uma história dramática sobre a força dos laços familiares, cuja receita foi escrupulosamente concebida para fazer rir e chorar (muito), e cuja acção se desdobra em épocas diferentes das vidas dos Pearson. A família é composta pelo casal Jack e Rebecca e os três filhos de ambos: Kate, Kevin e Randall. Já adultos, acompanhados de perto pela mãe e constantemente assombrados pelas saudades do falecido pai, os três irmãos vão revelando quem são, as angústias e alegrias passadas e algumas das circunstâncias que os fizeram chegar até ali. O enorme êxito de This is Us, para além de um argumento comovente e das extraordinárias actuações do elenco, deveu-se ao facto de conseguir acrescentar aos problemas do quotidiano temas como o alcoolismo, obesidade, racismo, adopção e as várias dificuldades da maternidade/paternidade. A série foi criada em 2016, por Dan Fogelman, para a NBC, e as carismáticas personagens foram entregues a Milo Ventimiglia, Mandy Moore, Sterling K. Brown, Chrissy Metz, Justin Hartley, Susan Kelechi Watson, Chris Sullivan e Ron Cephas Jones. Pelo seu desempenho como Randall, o actor Sterling K. Brown recebeu um Emmy, um Globo de Ouro, um Screen Actors Guild Award, um Critics’ Choice Award e um NAACP Image Award. Com um sem-número de nomeações, a série soma mais de três dezenas de vitórias nas diversas categorias dos Emmys e Globos de Ouro.
 

Stranger Things

Netflix
Sendo uma aventura direccionada para espectadores mais jovens, uma das qualidades mais cativantes desta série é utilizar o poder de reconhecimento dos adultos, que facilmente identificam a sua própria adolescência. A acção da primeira temporada desenrola-se em 1983, quando Will (Noah Schnapp), de 12 anos, desaparece misteriosamente, deixando a mãe (Winona Ryder) desesperada. A ajudá-la, terá o Xerife Jim Hopper (David Harbour) e a sua incansável investigação para o recuperar. Enquanto isso, Mike (Finn Wolfhard), Dustin (Gaten Matarazzo) e Lucas (Caleb McLaughlin), os melhores amigos de Will, decidem procurá-lo por conta própria. As pistas vão fazê-los cruzar-se com a tímida Eleven (Millie Bobby Brown), vítima de experiências científicas de uma agência governamental secreta, com aparentes ligações ao desaparecimento de Will. Produzida pela Netflix, em 2016, a série dos irmãos Ross e Matt Duffer é assumidamente nostálgica, juntando o gosto pela cultura americana dos anos 1980 ao interesse pela ficção científica, com constantes referências aos filmes de culto dessa época. Com uma segunda temporada estreada em Outubro de 2017, uma terceira em Julho de 2019 e uma quarta a caminho, a série conseguiu várias nomeações e prémios, entre os quais o de melhor elenco do Sindicato dos Actores dos EUA.
 

Uma Família Muito Moderna

Fox Comedy e Netflix
Uma família, três agregados familiares. O patriarca Jay Pritchett (Ed O'Neill) é agora casado com Glória (Sofía Vergara), uma jovem e atraente colombiana muito dedicada ao filho Manny (Rico Rodriguez), de dez anos. As suas vidas estão naturalmente ligadas às dos dois filhos adultos de Jay: Claire (Julie Bowen), uma mãe a tempo inteiro casada com Phil (Ty Burrell), com quem divide a árdua tarefa de educar os três filhos; e Mitchell (Jesse Tyler) que namora com Cameron (Eric Stonestreet), com quem adoptou Lily, uma bebé vietnamita que arrebatou o coração de todos. Nesta grande (e disfuncional) família, onde cada um se envolve nos problemas dos outros, não há lugar para a solidão… nem para a privacidade. Abordando com muito sentido de humor inúmeros assuntos relacionados com as dificuldades de relacionamento entre familiares, esta série, produzida em 2009 pela ABC, tem assinatura de Christopher Lloyd e Steven Levitan. Entre os anos 2010 e 2014, arrecadou o Emmy de melhor série de comédia, assim como outros 14 Emmys em diversas categorias. Em 2012, conquistou o Globo de Ouro na sua categoria.

Sugerir correcção
Comentar