FC Porto paga a Lalanda e Castro mais de um milhão por Abdoulaye

60% dos direitos desportivos do jogador foram adquiridos por empresa do irmão do administrador da SAD portista Adelino Caldeira, mas acabaram por ser recomprados pelos “dragões” a Lalanda e Castro

Foto
Abdoulaye a jogar com a camisola do FC Porto Rafael Marchante/Reuters

A aquisição de 25% do passe de Walter da Silva não foi o único negócio que envolveu a SAD do FC Porto e a Pearl Design Holding, Ltd, de Lalanda de Castro. A sociedade offshore vendeu ainda aos “dragões” 60% dos direitos económicos do senegalês Abdoulaye Ba, por mais de um milhão de euros, na temporada 2011-12. Um processo também com contornos pouco claros e que envolveu a empresa Unifoot de José Caldeira, irmão de Adelino Caldeira, administrador dos “dragões”.

Sugerir correcção
Ler 9 comentários