Estranhos somos nós

Os preconceitos são vistos, com toda a razão, como prejudiciais para os visados. Mas os preconceitos também prejudicam quem os tem. Cortam-nos as asas. Impedem-nos de pensar e de conhecer.

Como distingue um minhoto de um transmontano? E ambos de um alentejano? Como é que as pessoas de Braga são diferentes das de Lisboa?